Ads (728x90)



      
        Chocolate, bolo, torta, hambúrguer, pizza e batata frita... hum que delícia! Sempre gostei muito de todas essas guloseimas! Comer tudo isso era um prazer! Mas, o meu corpo de algum tempo para cá começou a mostrar as consequências desse tipo de alimentação. Então, fui buscar ajuda de profissionais como nutricionista, endocrinologista e profissional da área de educação física para aprender a me alimentar melhor.

        A primeira coisa que aprendi: comer coisas como legumes, frutas, verduras e cereais integrais também dão prazer! Sinto-me bem mais feliz e disposta. Sabe o motivo? Agora sei me alimentar de forma saudável!

Mas, afinal o que é uma alimentação saudável?

        A alimentação saudável deve ser equilibrada de forma nutricional, levando em consideração a necessidade de cada um, tomando por base o sexo, idade, trabalho realizado, composição corporal, nível de atividade física e estado de saúde. Igualmente, respeitar os aspectos socioculturais do indivíduo.
MULHER TOMANDO SUCO COM MUITAS FRUTAS

        No caso de nós, mulheres, também auxilia a minimizar os sintomas da TPM e menstruação uma vez que ajuda a deixar o nível normal de serotonina, neurotransmissor que ajuda a melhorar o humor, diminuir a dor de cabeça e cólicas.

Como sabermos se a nossa alimentação está saudável?

       
        Para termos uma ideia das porções que temos que nos alimentar diariamente podemos usar a pirâmide alimentar. Nela encontramos todos os grupos de alimentos que são essências para o nosso organismo. 

Pirâmide alimentar: um guia para a nossa alimentação.

        A pirâmide alimentar foi criada com o intuito de ajudar as pessoas a terem uma dieta alimentar mais saudável. Ela é um guia em forma de pirâmide que demonstra todos os grupos de nutrientes recomendados na alimentação diária.

Lembre-se: ela é um guia, assim, como relatei anteriormente, para saber da sua necessidade diária corretamente é necessária a ajuda de um nutricionista.

Grupos alimentares da pirâmide

A pirâmide tem como base o grupo dos alimentos energéticos, que são os carboidratos, fontes primárias de energia do corpo. Temos como exemplo pães, cereais, arroz e outros tipos de massas. O melhor é consumir os feitos com farinha integral, pois, mesmo tendo a mesma quantidade de calorias, ela possui mais nutrientes e fibras. O recomendado é de 5 a 9 porções por dia.

  O próximo grupo é o das frutas, verduras e legumes, nomeado de reguladores já que regulam o organismo. Eles são fontes de vitaminas e sais minerais, que protegem o nosso corpo de doenças. Devemos consumir de 3 a 5 porções.

        Podemos dividir o penúltimo grupo em dois: o do leite e derivados e o da carne e ovos. O leite devemos incluir cerca de 3 porções nas refeições por dia; já as carnes de 2 a 3 porções. São os chamados construtores devido terem grande quantidade de proteínas, que ajudam a formar tecidos como o músculo, por exemplo. Eles são ótimos para ajudarem no crescimento de unhas e cabelos e a deixarem mais fortes. Nós mulheres também precisamos de mais ferro (contido nas carnes) e cálcio (contido nos leites) do que os homens, portanto, esse grupo de alimentos é muito importante para a manutenção de nossos ossos e aumento da nossa resistência em relação às infecções.

       O último grupo e o que devemos ingerir em menor quantidade são os dos energéticos extras. Eles são formados por óleos e gorduras, bem como doces e açúcares. O recomendado é de apenas 1 a 2 porções diárias. Contudo, o ideal é consumir os alimentos apelidados de “gorduras boas” porque eles são responsáveis pela produção de alguns hormônios sexuais, como a testosterona, por exemplo; além de ajudarem na absorção de algumas vitaminas (como a A). Nesse modelo encontramos as castanhas, gema do ovo e azeite. Deixe o doce para comer esporadicamente (a minha nutricionista recomendou 1 vez por semana).


Saiba como emagrecer com saúde e de uma forma segura, sem ficar fazendo dietas restritivas e perigosas que existem aos montes por ai. Emagreça de vez

Alimentação saudável cuida de nós!

      Como disse no inicio desse artigo, depois que dei mais qualidade a minha alimentação percebi que estou vivendo a minha vida com mais qualidade. Incorporei todos os grupos de alimentos divididos em refeições de 3 em 3 horas. Nada adiante pular refeições e se alimentar tudo de uma vez. Pensem que se alimentando adequadamente estão cuidando para a beleza natural de seu corpo. Alimentação saudável e atividades físicas são primordiais para o não surgimento de doenças cardiovasculares, diabetes, hipertensão, osteoporose, anemias, etc.

 Procure deixar o seu prato mais colorido e sua vida ficará mais bela!



Postar um comentário

Blogger