Ads (728x90)

Quantas vezes você já não começou a fazer uma dieta e simplesmente falhou? Ou então tentou se alimentar de uma forma mais saudável e simplesmente não teve sucesso? Eu várias vezes... Sejamos sinceras: todos nós sabemos quais alimentos devemos consumir e os que devemos evitar, entretanto nessa batalha por uma vida mais saudável temos um grande inimigo: a nossa mente.

O PESO DA PERSONALIDADE

Amigas, por incrível que pareça traços de personalidade considerados positivos, tais como autoestima, autoconfiança, sociabilidade e otimismo dificultam muito o processo de diminuição de peso. Como assim? A maior motivação para que alguém perca peso é ideia de que pessoas magras são mais bonitas e mais aceitas socialmente, mas uma gordinha autoconfiante não tem necessidade de emagrecer para se sentir aceito. A sociabilidade é outro ponto, pessoas sociáveis têm maior tendência a ceder à pressão de outras pessoas para, por exemplo, participar de um rodízio de pizzas e maior dificuldade em magoar a mãe recusando comer a sua comidinha caseira e optar por algo menos calórico. 
Pessoa pensando alimentos saudáveis

 DIETA E PENSAMENTOS: OS OBSTÁCULOS QUE SEU CÉREBRO CRIA PARA A SUA DIETA:
Preocupação constante com a comida
Quando fazemos dieta, ou seja, nos privamos de comer certos alimentos ou diminuímos a quantidade deles a tendência natural é pensarmos mais em comida, em alguns casos a fixação nessa ideia é tão grande que fica difícil pensarmos em qualquer outra coisa. Não é verdade?!

 Excesso de privação

Quanto mais rígida for a dieta mais pensamos em comida e consequentemente maior a possibilidade de cairmos em um deslize e cedermos ao impulso de comer uma fatia de torta de chocolate, por exemplo, nesses momentos é comum surgirem pensamentos do tipo: “acabei com a minha dieta! Quer saber? Vou dar um tempo e semana que vem eu começo de novo”. Quando recomeçamos a dieta (se recomeçamos) sentimos tão culpadas por ter caído em tentação que tentamos ser mais rígida ainda, (até mesmo para compensar o peso adquirido) o que aumenta ainda mais a probabilidade de se cair em uma nova tentação.

O Emagreça Com Reeducação Alimentar mostra como emagrecer com saúde, e de uma forma segura. Sem ficar fazendo dietas restritivas e perigosas que existem aos montes por ai.

Perda de naturalidade do apetite
Depois de muito tempo de dietas a pessoa pode se acostumar a estar constantemente com fome, nesse caso o organismo pode parar de emitir o “alarme” que avisa que se está satisfeita (o) ou se está com famélico. Quando a pessoa termina a dieta pode passar a comer exageradamente. Tomem cuidado hein?!

 Mudanças repentinas de humor
Ansiedade, melancolia, felicidade pelo sucesso, tristeza pelo fracasso, é natural que o nosso humor oscile e para muitas pessoas a comida é considerada como uma espécie de regulador do humor. E na verdade não é. A comida (ou o prazer que ela traz) pode ajudar a aliviar o estresse e outras sensações desagradáveis. 

COMO SUA MENTE PODE TE AJUDAR A DESENVOLVER BONS HÁBITOS ALIMENTARES?

Menos atraente
Todos os alimentos altamente calóricos e pouco saudáveis parecem sempre tão tentadores... que não dá para resistir! Porém quanto mais você souber os riscos e problemas que esse tipo de comida traz para o nosso organismo (além de para a nossa autoestima) eles vão se tornar menos atraentes. Tente associar mais esse tipo de alimento a obesidade, problemas cardíacos (etc.) isso vai te fazer se sentir menos atraída por eles.

Evite o contato
Pense um pouco: se você é uma alcoólatra em recuperação o ultimo lugar que você deve estar é dentro de um bar. Se você está de dieta evite ficar em locais repletos de guloseimas, peça para outra pessoa ir à padaria em seu lugar, faça suas compras para o mês todo ao invés de ir ao mercado todos os dias (e nunca vá com fome!).


Descubra outras formas de melhorar o humor
Comer pode até nos ajudar a relaxar e mudar de humor, porém existem formas melhores e mais eficientes para fazer isso. Experimente praticar algum esporte (leia: PRATICAR ATIVIDADES FÍSICAS: SINÔNIMO DE QUALIDADE DE VIDA!), ler um livro ou se dedicar a qualquer outra atividade que te deixe feliz.

Aumente o seu comprometimento
        Fale com outras pessoas sobre a sua intenção de perder peso ou adquirir hábitos alimentares melhores, escreva isso em algum lugar uma agenda ou em uma folha de papel palavras escritas e faladas ajudam a tornar os seus pensamentos mais concretos. E falar com amigos faz com eles te ajudem nessa empreita ou pelo menos vão te atrapalhar menos.

Estabeleça metas concretas
Dizer que vai se alimentar melhor ou que quer emagrecer são metas subjetivas troque isso por vou “eliminar tantos quilos” ou “vou parar de comer frituras”. Após deixar isso claro estabeleça submetas com prazos certos: eliminar um quilo por semana ou acrescentar frutos do mar a dieta semanal.

Celebre pequenas vitórias
Se você conseguiu alcançar a sua meta, ainda que ela seja pequena, você é uma vencedora, e isso precisa ficar claro em sua mente por isso comemore: conte para os seus amigos, celebre como se o seu time tivesse ganhado um titulo. Isso é muito importante para a sua autoestima e continuação das suas metas!

Planeje períodos de descanso
Até mesmo as guerras precisam de períodos de trégua e ninguém é de ferro! Você também precisa tirar um tempo para relaxar da sua dieta, estabeleça um tempo para descansar e saborear os prazeres da vida (não precisa exagerar) um dia dentro da semana ou do mês por exemplo. 

Procure um profissional
Procure a ajuda de um nutricionista ou nutrólogo para que você não caia em uma “roubada” e acabe prejudicando a sua saúde ao invés de melhora-la.

Sei que não é fácil ter bons hábitos alimentares! Sempre senti felicidade em comer um bom bolo recheado ou aquela lasanha quentinha! Mas, mudei muito o meu pensamento e modo de agir com as dicas acima. Comer alimentos saudáveis também dá prazer! Pense que você sentirá mais disposição e sua saúde melhorará em muito (palavras de quem está passando por isso!).

Quer aprender a se alimentar melhor? Veja - ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL: UMA VIDA MAIS BELA E COLORIDA!

Postar um comentário

Blogger